Eventos Semanais

Entrevista

Hilma Noleto

Hilma Noleto Cunha, casada com Adalton. É mãe de: Camila, Caio, Karem e Isabela.  Nesta entrevista ela fala sobre a profissão de cabeleireira e de como a profissão a escolheu e ao longo dos anos tornou-se paixão e amor.

Com apenas 15 anos ela começou a auxiliar nas atividades do Salão de Beleza que na época era de sua irmã Isabel Noleto Cunha (em memória), e quase três décadas depois leva o mesmo nome fantasia tão conhecido na cidade Balsense – Bell Cabeleireiros.

“Quando comecei a trabalhar com a Isabel eu ajudava lavando os cabelos, e limpando o chão. Aos poucos fui aprendendo com ela e resolvi fazer cursos para me profissionalizar, nunca mais parei”, explica Hilma. “Aos poucos fui aprendendo a gostar e me apaixonando pela profissão. Hoje não imagino estar atuando em nenhum outro setor”. De acordo com Hilma, os profissionais do salão participam de pelo menos três cursos a cada ano. O que sempre faz com que a equipe esteja por dentro das tendências, se atualizando e se aperfeiçoando para não ficar para trás no mercado.

CABELOS

O cabelo é parte do contexto, da apresentação da pessoa. É geralmente o diferencial que harmoniza, marca e destaca a pessoa em determinado local. Pelos anos de atuação a empresária ressalta que é possível diagnosticar a qualidade do cabelo apenas pelo toque. “Aprender a identificar se o cabelo está em bom estado é um dos primeiros procedimentos que se aprende, pois é preciso conhecer para indicar. “No início da profissão, nos primeiros treinamentos você já aprende, é um conhecimento indispensável”, disse Hilma.
Segundo a cabeleireira, ser cliente de um cabeleireiro só, é uma coisa boa, porque para ter cabelos bonitos, assim como corpo e boa vestimenta é preciso saber como cuidar e como manter qualidade nas escolhas, seja nas cores ou nos tamanhos para ficar bonito e equilibrado.

“Eu gosto da mudança. De fazer um corte diferente, uma coloração inovadora. Quando a cliente sai satisfeita. Eu me realizo dentro da minha profissão”, conclui. É preciso conhecer muito bem a qualidade do cabelo, entender da profissão, pois às vezes acontecem mudanças no cabelo que vem de situações externas, como por exemplo, reações no sistema emocional, o ressecamento dos fios devido ao uso indevido da chapinha, entre outros.

Assim como a moda, os cabelos também acompanham tendência. Muitas destas são ditadas pelas atrizes das novelas. “Por outro lado, temos clientes que mantém o mesmo corte há vinte anos e continuam apresentáveis, porque lhes cai bem e combina com o formato do rosto, formando uma combinação equilibrada e bonita”, destacou Hilma.
Atualmente mechas e luzes são o vício do verão, todo mundo quer mudanças na aparência uma vez ou outra, e começar pelos cabelos é sempre um ótimo e visível começo.

NOIVAS

Datas importantes ficam na história da existência do ser humano. Para Hilma, atender uma noiva é algo muito satisfatório. “Eu prefiro fazer a produção desde os primeiros procedimentos, pois, tudo tem que estar em perfeita harmonia, cabelo, maquiagem… É uma grande responsabilidade, mas que acaba sendo facilitada pelo fato da pessoa confiar na nossa equipe, isso facilita desenvolvermos nosso trabalho com mais segurança”, frisou ela.

EQUIPE

Me considero uma pessoa abençoada pois possuo duas famílias, a Equipe da Bell Cabeleireiros, assim como meu marido e meus filhos são tudo para mim. Considero DEUS em primeiro lugar em qualquer circunstância da minha vida, pois sem Ele nada podemos fazer. Diz a palavra: “Primeiro DEUS e depois outras coisas serão acrescentadas em nossa vida”, finalizou Hilma.

O salão conta com uma equipe de cabeleireiros profissionais familiar, são 4 irmãos e uma sobrinha: Hilma, Nego, Célia , Jô e a sobriinha Jade. Além de mais quatro manicures e duas atendentes. Atendendo de crianças até idosos.

Deixe o seu comentário